10 Maneiras de Tornar a Merenda Atrativa

September 6, 2017

Conheça os 10 passos para promover uma alimentação mais saudável para seu filho e confira quais grupos de alimentos não podem faltar na alimentação infantil.

 

Uma das formas de promover hábitos alimentares saudáveis às crianças é através dos lanches. Muitos não sabem, mas a hora do recreio, além de ser relevante para a socialização da criança, é um importante momento para uma alimentação balanceada.  

 

A dica é que os lanches sejam compostos por uma opção de cada grupo de alimentos (energéticos, construtores e reguladores). Assim, você terá uma enorme variedade de lanches saudáveis e gostosos! 

 

Outra dica interessante é que, para crianças menores, podemos decorar a merendeira com pratos coloridos e divertidos. As crianças maiores conseguem compreender a importância da alimentação saudável, desde que sejam estimuladas desde cedo.

 

A ideia principal é que sejam reunidos pelo menos dois alimentos de grupos diferentes (conforme grupos abaixo) para compor o lanche do seu filho. 

 

GRUPO A 
(Energéticos)

• Pães: francês, de forma, integral, bisnaguinha, caseiro, de cenoura, de batata, brioche; 
• Biscoitos: integral, salgado ou doce (sem recheio);
• Bolos simples (sem recheio e sem cobertura): fubá, chocolate, cenoura, abacaxi, laranja;
• Barras de cereais.
 
GRUPO B
(Construtores) 
• Queijos: mussarela, prato, minas frescal, minas padrão, queijo pasteurizado; 
• Frios: Peru, chester, presunto magro;
• Leites: integral ou semidesnatado, fermentado, achocolatado.  
• Iogurtes: simples, com mel ou com frutas. Petit-Suisse.  
 
GRUPO C 

(Reguladores)
 Frutas: banana, uva, maçã, pera, ameixa, melancia, morango, goiaba, melão, tangerina, mamão, manga;

Sucos: de preferência natural ou no máximo de polpa;

   Água de coco;

 

É válido destacar a importância da criança na escolha do seu lanche, de forma que boas escolhas sejam realizadas para compor um lanche mais saudável. Para isso, é necessário lembrar que, em alguns momentos, “negociações” devem ser feitas com o objetivo de garantir a qualidade da alimentação. Seguem algumas dicas interessantes.

• É muito importante que tenha fruta pelo menos duas vezes na semana. Se a criança não quiser nenhuma, escolha frutas que não estragam com facilidade e envie junto na merendeira. Se ela não comer na escola, ela poderá comer em outra oportunidade;

 Evitar biscoitos recheados e salgadinhos de pacotes, pois esses produtos têm grande quantidade de açúcar e gordura; 

 Os leites de caixinha também podem ser utilizados para variar o cardápio. São ricos em cálcio e auxiliam o crescimento; 

• É necessário sempre colocar uma garrafinha de água na mochila. Geralmente, as crianças se esquecem de beber água;

• Sempre perguntar sobre os lanches dos colegas. Assim, ficará mais fácil identificar quando a criança comeu algo do amigo.  As trocas de lanches escolares são comuns, mas para crianças com obesidade, isso pode agravar mais o ganho de peso.

 

Seguem os 10 passos para uma alimentação saudável para crianças, preconizados pelo Ministério da Saúde:

1. Procure oferecer alimentos de diferentes grupos, distribuindo-os em pelo menos três refeições e dois lanches por dia.  

2. Inclua diariamente alimentos como cereais (ex.: arroz, milho), tubérculos (ex.: batatas), raízes (ex.: mandioca/aipim), pães e massas, distribuindo esses alimentos nas refeições e lanches do seu filho ao longo do dia.
  
3. Procure oferecer diariamente legumes e verduras como parte das refeições da criança. As frutas podem ser distribuídas nas refeições, sobremesas e lanches.  

4. Ofereça feijão com arroz todos os dias, ou no mínimo cinco vezes por semana.
 
5. Ofereça diariamente leite e derivados, como queijo e iogurte, nos lanches, e carnes, aves, peixes ou ovos na refeição principal de seu filho.
 
6. Alimentos gordurosos e frituras devem ser evitados; prefira alimentos assados, grelhados ou cozidos. 

7. Evite oferecer refrigerantes e sucos industrializados, balas, bombons, biscoitos doces e recheados, salgadinhos e outras guloseimas no dia a dia.  

8. Diminua a quantidade de sal da comida.

9. Estimule a criança a beber bastante água e sucos naturais de frutas durante o dia, de preferência nos intervalos das refeições, para manter a hidratação e a saúde do corpo.

10. Incentive a criança a ser ativa e evite que ela passe muitas horas assistindo TV, jogando videogame ou brincando no computador.

Compartilhar no Facebook
Share on Twitter
Please reload

Guia_Paciência_post.jpg
Lista VIP post.jpg
Posts Em Destaque

3 PASSOS PARA MANTER A CALMA

July 28, 2018

1/6
Please reload

Posts Recentes

September 19, 2018